Pesquisar este blog

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Ronaldo Luís Nazário de Lima, A lenda !

É meu chapa, o cara, a lenda, o maior artilheiro de todas as copas do mundo de futebol, 15 gols,  o atleta que mais operou o joelho que eu já tenha visto cançou, esgotou, se entregou as dores. A cabeça funciona mas o corpo não acompanha. O cara pensa em dar uma caneta mas as pernas não acompanham. Ronaldo é o chamado "fera" aliás, o adjetivo que lhe é dado já se integrou ao seu nome, Fenômeno. O outro Ronaldo é o Ronaldinho, "inho" perto desse. Esse é o gordo! O cara foi mais citado na internet nos últimos dias do que o presidente do Egito, mais do que a presidente Dilma e a votação do salário mínimo, aliás a presidente citou-o no seu último discurso: Todos nós, brasileiros, seremos eternamente gratos pelas alegrias que ele nos proporcionou e pelo que fez em prol do prestígio do Brasil no mundo dos esportes; um brasileiro que se tornou Fenômeno, um exemplo de superação"

Ronaldo nasceu no Rio de Janeiro, 22 de setembro de 1976.  Inicio a carreira no Cruzeiro, atuou em 46 jogos e anotou 44 gols, depois foi trasnferido para o futebol internacional onde engrenou a sua carreira. Foi para o PSV Eindhoven, jogou 57 partidas e fez 54 gols. No Barcelona a sua melhor fase com 49 jogos e 47 gols. Machucou. Na Internazionale marcou 59 gols em 99 partidas. Machucou. No Real Madrid, arqui-rival do Barça jogou 177 e fez 104 gols e no arqui-rival da Internazionale, o Milan, jogou 20 partidas marcando 09 gols. No retorno ao Brasil, treinou no Flamengo, e assinou contrato como Corínthians, jogando 69 vezes e marcando 35 gols. Foi Campeão Paulista e Campeão da Copa do Brasil em 2009, seus últimos títulos. Na seleção Brasileira, Ronaldo só não fez mais gols do que o Rei Pelé. Atuou 97 vezes pela seleção, fez 65 gols, foi medalha de bronze nas Olimpíadas de Atlanta 1996 e Campeão do Mundo em 1994 e 2002, vice em 1998 mesmo após sofrer uma convulsão na concentração,  jogou e quase marcou. Em Abril de 2008 consegui abater 3 travecos na Orla da Barra da Tijuca, título inigualável.
  • Foi eleito o melhor jogador do mundo pela FIFA em 96,97 e 2002. 
  • Melhor jogador da Copa do Mundo de 1998
  • Chuteira de Ouro em 1997, 
  • Bola de Ouro em 1997 e 2002. 
  • Melhor jogador da Copa do Mundo de 2002, 
  • Melhor jogador na final do Mundial Interclubes em 2002,
  • Melhor jogador do Campeonato Paulista de 2009, 
  • Brasileiro do ano em 2009 e um dos 100 mais influentes do País.
Muitos números marcaram a maravilhosa e vitoriosa carreira de Ronaldo, mas o maior deles ele não conseguiu combater, os três dígitos da balança.O excesso de peso que o fizeram parar de jogar era visível, fora de forma e já tropeçando nas pernas Ronaldo decidiu que essa era a hora.  Dizem as más línguas que as baladas e o cigarro também aceleraram essa aposentadoria.


"Depois de mais uma lesão eu refleti muito em casa e decidi que era o momento. Que não ia esperar mais e tinha realmente dado o máximo que eu nunca imaginei que poderia chegar. É muito duro abandonar o que te deixa feliz, tem tanto amor e poderia seguir porque mentalmente e psicologicamente ainda quero muito. Mas também tenho que assumir algumas derrotas. Eu perdi para o meu corpo."
 
Como diria os soteropolitanos, Parabéns Meu Rei, você foi demais, mandou bem pra caraio !

Valeu Gordo !






2 comentários:

Philip disse...

Seu jégue a chuteira pendurada é da Adidas ele usa nike

Mr.Anderson disse...

é que ele pegou a do Zidane emprestada, po !